Este website usa cookies para melhorar a navegação dos nossos utilizadores. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Fechar ou Saber Mais
Menu
Pesquisar
Inquérito
Qual a sua opinião sobre esta página
Gosto
Não Gosto
Freguesia - Património
Igreja do Garachico
Situada no sítio do Garachico a capela ali existente invoca Nossa senhora do Bom Sucesso. Esta capela foi mandada construir por Manuel João Ferreira, proprietário da localidade e destinava-se à prestação de serviços religiosas à comunidade, por parte de seu filho Francisco Luís Ferreira que havia sido ordenado sacerdote. Após o seu falecimento a ermida ficou sem serviço e em poucos anos ficou em ruínas. No ano de 1777 Caetano Luís de Faria, procedeu à sua reedificação, tendo para o efeito, celebrado a escritura de dotação da capela de Nossa Senhora do Bom Sucesso.
O facto dos actos religiosos aí realizados serem muito concorridos por pessoas não só da localidade como também de muitos sítios vizinhos, fez com que o pároco de Câmara de Lobos, não satisfeito com este facto, levantasse a questão da localização da capela e a sua jurisdição. Em consequência disso, a 14 de Julho de 1807, foi efectuada uma vistoria para que as pessoas pudessem manifestar a sua opinião. Após ouvidas as pessoas mais antigas da localidade, foi declarada a capela como ficando na partilha das duas freguesias, Estreito e Câmara de Lobos, mas que por ter sido construída em terra da freguesia do Estreito, deveria continuar filial da matriz de Nossa Senhora da Graça desta freguesia.
A capela de Nossa Senhora do Bom Sucesso está associada ao assassinato do padre Joaquim André dos Santos Passos ocorrido no dia 22 de Maio de 1927. Após a celebração da missa dominical foi barbaramente assassinado por um indivíduo, a quem havia recusado casar, em segundas núpcias, pelo facto da sua primeira mulher ainda se encontrar viva.
Com a criação da paróquia do Garachico, a 1 de Janeiro de 1961 passou esta capela a servir de sua sede paroquial, tendo em 1963, seria destruída para dar lugar à construção da actual igreja.

Igreja da Encarnação
Os anos entretanto foram passando e apesar de várias obras terem tido lugar, nomeadamente no interior do templo, só a 10 de Outubro de 1995, é que seriam inauguradas as obras de arranjo do adro e arredores, a construção do salão paroquial, sanitários e ainda de um espaço destinado a um centro social paroquial, este já da iniciativa do actual pároco.

Igreja Matriz do Estreito
A paróquia tem como orago Nossa Senhora da Graça, com festividades a 15 de Agosto de cada ano. A igreja foi construída no século XVIII, sendo a primeira pedra lançada a 3 de Fevereiro de 1753. Como momentos de destaque deste templo refira-se que por volta de 1814 era construída a sua nave e a procedeu-se à inauguração do relógio em 1837, o que obrigou a uma ampliação da Torre.Em finais da década de 60, a antiga casa paroquial, situada em frente à igreja paroquial, dá lugar à ampliação do adro e à construção, debaixo dele, de um salão paroquial. Com efeito durante largos anos, este espaço funcionou como sala de espectáculos da freguesia, nomeadamente de actividades ligadas à igreja.Como curiosidade refira-se que no piso superior da denominada sacristia velha, situada à esquerda da igreja e cuja construção terá sido muito provavelmente contemporânea desta, funcionou durante vários anos uma escola de ensino primário, denominada escola municipal do Estreito de Câmara de Lobos.Ao longo dos anos a igreja tem sido sujeita de obras de beneficiação.

Capela de Santo António
Actual capela com a invocação de Santo António, existente na freguesia do Estreito de Câmara de Lobos, situa-se no sítio da Quinta de Santo António. Foi mandada construir, por volta de 1778/80, por D. José de Brito em substituição de uma outra existente, na sua quinta com a mesma invocação, erecta em 1705 e que se encontrava em grande estado de degradação. A sua bênção teve lugar a 25 de Junho de 1780, mediante autorização dada ao vigário local, por provisão do dia 23 do mesmo mês.
 
Capela do Calvário
Capela com a invocação da Vera Cruz, localizada do Calvário, nomeadamente na rua Dr. António Vitorino de Castro Jorge, na freguesia do Estreito de Câmara de Lobos.
Com a finalidade de se proceder às estações da Via Sacra, assinaladas por cruzes em todo o trajecto da rua, A capela do Calvário foi construída em 1963, por iniciativa de Maria Virgina da Encarnação Pestana, com o apoio de várias pessoas da localidade, em terreno cedido, para o efeito, pelo Dr. Castro Jorge.
Em 2004, em virtude da construção da rua do Calvário e necessidade de alargamento do arruamento, foi esta capela destruída. Em sua substituição foi construída uma outra capela com a mesma invocação, mas implantada a alguns metros a norte. As obras desta capela viriam a ser inauguradas no dia 27 de Abril de 2004.

Capela das Almas
Localizada no adro da igreja paroquial de Nossa Senhora da Graça, esta capela foi reconstruída em 4 de Fevereiro de 1753, após ter sido destruída por ocasião das obras de construção da actual igreja. No sitio da Vargem, freguesia do Estreito de Câmara de Lobos existe uma outra capela com a mesma invocação. Esta capela foi mandada construir em finais de 1766, princípios de 1767 pelo Alferes Pascoal Pestana Ennes
Possui esta capela um lampadário de prata que, em consequência de falta de condições de preservação, foi colocado transitoriamente à guarda do museu de arte sacra. Em Abril de 1928 terá passando por diversos melhoramentos entre eles das pinturas e dourados por José Fernandes Camacho
 
 
Capela de Santa Ana
Localizada na Ribeira Fernanda, na freguesia do Estreito de Câmara de Lobos, a capela da evocação de Santa Ana, foi, segundo o Elucidário Madeirense, mandada construir por um tal morgado Cardoso. Segundo a descrição exstente na pia de água benta, capela ao que parece foi construida no ano de 1768, anexa a uma casa solarenga. Em meados do seculo XX, João Justino dos Santos adquiriu a capela e mandou a reconstruir, atendendo que se encontra em elevado estado de degradação. As obras de reconstrução da capela terminaram a 7 de Agosto de 1963.Actualmente a capela pertence à igreja paroquial de Nossa Senhora da Graça do Estreito de Câmara de Lobos, na sequência de uma doação feita pelos herdeiros de João Justino dos Santos.
Na capela existe apenas a pia de água benta, bem como uma tela representando Santa Ana a ensinar a sua filha, Nossa Senhora.
  
Estatísticas
Temos 11 visitantes online.
Visitas: 1.478.691
Login
Utilizador:
Password:
     
Criar novo registo
Recuperar Password
Agenda de Eventos
Partilha
Mural Facebook
Neste momento não existe informação disponível.
  Acessibilidades | RSS | Pedido de Informações | FAQ | Links | Requisitos técnicos
Todos os direitos reservados - Desenvolvido por Ok-Portugal